Logo

Pra não dizer que não falei das flores

Reproduzir

BIO

Quem sou? Quem sou

Olá, eu sou o Nani...

Sou uma pessoa que encara a vida como uma boa canção, ela não precisa ser virtuosa para ser boa, não precisa dos melhores instrumentos, nem das melhores vozes, não precisa ser extremamente baixa para mostrar imponência do grave e no meu caso ela definitivamente não será alta rs...

A canção assim como a vida deve ser natural, individual e ao mesmo tempo diversa, excitante ao mesmo tempo que é monótona, ela pode dizer tudo, mas também não precisa dizer nada, ela só precisa ser como é, assim como eu sou do jeito que sou.

Quem sou? História

História

Um antigo professor de música me dizia “você só vira artista depois que sai do quarto, antes disso você é apenas um músico”, pois ser artista não é apenas desenvolver um talento e sim compartilhar ele com as outras pessoas. Na arte marcial a filosofia é a mesma, “você só vira um lutador depois da sua primeira luta” e ambas as frases dizem a mesma coisa que só se torna alguma coisa depois de aproveitar as vitórias e as derrotas daquela profissão e no dia 15 de setembro de 2017 eu fui pra luta, eu saí do quarto e postei meu primeiro vídeo no canal para todos verem, elogiarem e rirem de mim, com a câmera do celular, edição ruim e luz pior ainda, hoje, anos depois eu estou criando meu próprio site... De fato passa um filme na cabeça.

Quem sou? Música

Música

A música para mim é o ar que eu respiro, o alimento da minha alma, a força do meu ser, eu sei que parece brega e um belo de um clichê, mas é a mais pura verdade, não há prazer maior pra mim que fazer uma pessoa se emocionar comigo cantando e esse sentimento pode até ser de raiva, mas é um sentimento genuíno.

Sempre priorizo a música brasileira, independente do estilo, acho que só os brasileiros conseguem falar o que eu sinto, só um brasileiro entende a dor de um “Tempo Perdido”, a cumplicidade de um “Partilhar”, a revolta da “Minha Alma” a versatilidade de um “Maluco Beleza” e por isso eu valorizo a cultura nacional.

Quem sou? Experiência

Experiência

Quando a gente inicia numa carreira artística, invariavelmente a gente pensa nos grandes shows, nos fãs enlouquecidos e nos montantes de dinheiro, mas eu aprendi logo no início da carreira que isso é o menos importante, sou um sonhador romântico e incurável, mas mesmo assim eu consigo aproveitar momentos reais, as pessoas que conheci, com quem trabalhei, que nunca mais vi, enfim, isso me fez ver que o momento é o lugar mais lindo do mundo, o passado geralmente te educa, o futuro te instiga a crescer, mas apenas o agora você sente, se emociona, apanha e glorifica, enfim eu aproveito cada momento com preciosidade, pois só aquele segundo existe, existiu ou existirá.

REPERTÓRIOS

  1. All Star - Nando Reis
  2. Sozinho - Caetano Veloso
  3. Ouro de Tolo - Raul Seixas
  4. Como nossos pais - Elis Regina
  5. Já sei Namorar - Tribalistas
  6. Aos Meus Heróis - Julinho Marassi e Gutemberg
  7. Caminhando - Geraldo Vandré
  8. Primavera - Tim Maia
  9. Olhos Coloridos - Sandra de Sá
  10. Gostava tanto de Você/ Sou Feliz - Tim Maia
  11. Levante a Bandeira do Amor - Bia Ferreira
  12. Ouro de Tolo - Raul Seixas
  13. Faz uma loucura por mim - Ludmilla
  14. Paciência - Lenine
  15. Eu te Devoro - Djavan
  16. Relicário - ANAVITORIA
  17. Palavras ao Vento - Cássia Eller
  18. Exagerado - Cazuza
  19. Telegrama - Zeca Baleiro
  20. Chão de Giz - Zé Ramalho
  1. Cowboy Fora da Lei - Raul Seixas
  2. Meu Erro - Paralamas
  3. Primeiros Erros - Capital Inicial
  4. Tempo Perdido - Legião Urbana
  5. Malandragem - Cássia Eller
  6. Para Raul - Zé Ramalho
  7. Amanheceu - Scalene
  8. Garotos - Capital Inicial
  9. Ouro de Tolo - Raul Seixas
  10. Na Sua Estante - Pitty
  11. Se eu tivesse - Blindagem
  12. Por amor - Ira
  13. O mundo é dos Órfãos - Killer Jack
  14. Óculos - Paralamas do Sucesso
  15. Quase Sem Querer - Legião Urbana
  16. Partida de Futebol - Skank
  17. Só os Loucos Sabem
  18. Ana Julia - Los hermanos
  19. A sua Meneira Capital Inicial
  20. Pais e Filhos - Legião Urbana
  1. Oi - Lagum
  2. Dona de Mim - IZA
  3. Pupila - Victor Kley, Anavitoria
  4. Era uma Vez - Kell Smith
  5. Vida loca - Tuyo
  6. Dizeres - Lourena, Sant
  7. Céu Azul - Charlie Brown Jr.
  8. Mundo Paralelo - Victor Kley
  9. Talismã - IZA
  10. Pode se Achegar - Tiago Iorc, Agnes Nunes
  11. Cobertor - Giulia Bê, Projota e Vitão
  12. Arcaico - Nani Oliveira
  13. Morena - Victor Kley
  14. Ouvi Dizer - Melim
  15. Dona de Si - Nani Oliveira
  16. Partilhar - Rubel, Anavitoria
  17. A tal Canção pra Lua - Victor Kley
  18. Meu mel - Melim, Anitta
  19. Onde Você Mora? - Melim, Nando Reis
  20. Menina Solta - Giulia Bê
  1. Zóio de Lula - Charlie Brown Jr.
  2. Meu Abrigo - Melim
  3. Reggae da tramanda - Armandinho
  4. Do Lado de Cá - Chimarruts
  5. Amor Vem cá - Armandinho
  6. Eu Sou de Humanas - Nani Oliveira
  7. Súplica Cearense/ Oh Chuva - O Rappa
  8. Levante Popular - Mato sexo & Rapadura
  9. Minha Alma - O Rappa
  10. Sorri, Sou Rei - Natirrutss
  11. Anel de Coco - Gabriel Elias
  12. Desenho de Deus - Armandinho
  13. Pisando Descalço - Maneva
  14. Luta Para Ser Feliz - Pirâmide em Marte
  15. No Balanço da Rede - Armanidnho
  16. Sem Porquê, Nem Final - Nani Oliveira
  17. Um Anjo do Céu - Maskavo
  18. Pra Você - Onze:20
  19. Vagabundo eu Confesso - Dazaranha
  20. Eu Quero Ser Feliz Também - Natiruts

MÚSICAS AUTORAIS

Reproduzir

Arcaico

Em7                            GDizer um eu te amo hoje é tão banal
C                                               D  E um olho no olho parece ser tão anormal
Em7Namoros começam e terminam
G                                 CNa tela do celular
                                                           DE andar de mãos dadas virou motivo pra se envergonhar

Em7Me chamam de arcaico
GTalvez até pode ser
C                                                               DMas eu tenho certeza de que eu não vivo mais sem você

Porque eu gosto...

 Am             CDe ouvir, o som da sua voz bem aqui no ouvido
  G             DE sentir o seu perfume ver o seu sorriso
AmPode me chamar de careta ou antiquado
CMas eu só me sinto completo
                         D                      (D, D4)Quando estou ao seu lado
Arcaico
Reproduzir

Eu sou de humanas

GEstava ali sozinho vendendo minha arte
FEu não consegui nada mais é isso que faz parte
GUm livro caro de Rousseau para eu comprar
FE quando um arquiteto parou pra me chatear
G			                      CDizendo que eu era um belo vagabundo
        G				           CQue raça como a minha não faz falta para o mundo
        G				                   CAtrapalha a economia com cota pra estudar
        GFoi quando o interrompi para poder me expressar

Eu sou de humanas
                     CEntão tanto faz
                     GEu sou um pobre estudante brasileiro
                                           CQue não tem muito dinheiro
                                          GNunca foi pro estrangeiro
                                             CEntão deixa minhas miçangas em paz
                             GEu sou de humanas
                             CEu sou de humanas
                             GEu sou de humanas
                             CEu sou de humanas

                 GSaúdo o sol e vou indo para não me estressar
           FMas aquele muleque com intuito de brigar
      GDevido sua audácia resolvi lhe perguntar
            FQuem é que patrocina para você estudar
                    G		                  CNum tom grave ele disse todo prepotente

    G		                         	  CDizendo que seu pai um advogado competente
            G		                    CNuma raiva dessas de Ranger os dentes
       GEu ainda lhe disse com uma cara de inocente

Seu pai é de humanas
                      CEntão tanto faz
                      GEle era um pobre estudante brasileiro
                                             CQue não tinha muito dinheiro

Nunca foi pro estrangeiro
                                               GEntão cala a boca e me deixa em paz

                          CEu sou de humanas
                         GE você é também

                        C			             				                                     GVocê é de humanas a partir do momento que faz parte de uma cidade
                                CDe uma comunidade
                           GDe uma sociedade
                   CVocê é humano meu bem

                          GEu sou de humanas
                          CEu sou de humanas
                          GEu sou de humanas
                          C           GEu sou de humanas                         
Eu Sou de Humanas
Reproduzir

Um Negro Filho de Ninguém

Eb7M                        Db7M     GNasci um pobre coitado
Eb7M                                Db7M     GCom marcas de que nem é gente
Eb7M                 Db7M     GEu sou um rejeitado
Eb7M                       Db7M     GUm negro, um indigente

Eb7            Db7M    GEu fui açoitado
Eb7                     Db7M    GEu não sou inteligente
Eb7                      Db7M    GSou um negro adotado
Eb7                                       Db7M    GAnalfabeto de corpo e de mente

A            GMas eu sei uma coisa
F                                   GNada de bom vem a mim
A                         GEu sou um rejeitado
         F                                    GComum, uma história sem fim

    Am                     GEu sou uma estatística
     Bm                    AEu sou um analfabeto
       C#m                     BEu sou qualquer alguém
        A                            GUm negro filho de ninguém

Eb7M                                                Db7M   GMas Deus, pôs algo em minha vida
Eb7M                              Db7M    GPensei que não merecesse
Eb7M                                           Db7M    GMinha princesa, minha pequenina
Eb7M                              Db7M    GUm novo projeto de vida

Eb7                               Db7M    GFoi quando eu me casei
Eb7                                 Db7M    GFoi quando rico eu fiquei
Eb7M                                 Db7M    GUm lar, uma família perfeita
Eb7M                          Db7M    GMulher e dois negrinhos

            A                              GMas quando vejo eles brigarem
      F                                   GCoragem me falta ao bater
              A                                            GNão importa, quantos vidros quebrarem

           F                             GUm negro não deve sofrer

                          Am         GPois eles não são estatísticas
                 Bm             AEles não são analfabetos
            C#m                  BEles vivem, por um porém
          A                                GSão negros filhos de alguém
(Eb7M          Db7M    G)                                    
                                
Um Negro Filho de Ninguém
Reproduzir

Sem Porquê, nem Final

Intro: F, Gm, Bb, Dm, C
F                                    GmEu me perco no som, da sua risada
Bb                                         Dm     CEu não consigo me controlar
F                               GmParece que aflora o que há de bom em mim
Bb                           Dm     CAcho que isso é amor

F                          GmEu sinto prazer, em te fazer sorrir
Bb                                          Dm     CNão é nem por você é por mim
F                                                  GmEu não consigo parar de pensar no jeito que você fala
Bb                                       Dm       CAcho que realmente é amor

F                                       CEu não consigo cantar sem pensar em você
Dm                                                                        BbEu não consigo sonhar, se não for com você
F                        CVocê pode até achar um pouco banal,
Dm                                          BbMas gosto de amor assim, sem porquê nem final
                                                      (intro, refrão, intro)
                                
Sem Porquê, nem Final

CONTRATE

Descreva um pouco sobre o evento que faremos juntos:

Vai ter vendas de ingresso?
Quantas horas de show você vai precisar?